(19) 3651-3912 | contato@paideia.org.br

Como parar de procrastinar nos estudos em 5 passos

04 de agosto de 2021Categoria: Educação

A procrastinação faz parte do seu dia a dia? Saiba que ela pode ser uma inimiga da sua rotina, em especial, a de estudos. Adiar as tarefas é prejudicial quando se quer otimizar o tempo e ser produtivo. Reunimos cinco dicas para que você pare de deixar as coisas de lado e comece colocar a mão na massa. Continue a leitura!

 

O que é procrastinação?

Primeiro vamos entender o que é a tão temível procrastinação. Esse termo é basicamente o ato de adiar o cumprimento de uma tarefa importante que precisa ser realizada. Ou seja, você sabe que precisa fazer, mas deixa para um outro momento – uma lacuna entre intenção e ação. Sabe aquele artigo do curso que você precisa entregar no dia 10? Se você for um procrastinador, começará a escrevê-lo no dia anterior.

Esse ato de procrastinar pode ser algo consciente ou inconsciente, sendo, em ambos os casos, uma decisão de deixar a atividade de lado, “empurrando-a” para outro dia. Isso acontece principalmente quando a pessoa se dedica a outras tarefas – na maioria das vezes de menor importância e mais prazerosa. Por exemplo, se você necessita estudar aquele capítulo do livro com urgência, mas, em vez disso, assistiu Netflix e ficou no Instagram, você procrastinou.

Por que procrastinamos?

A falta de disciplina é uma das razões que afligem os estudantes e comprometem o desempenho da hora de encarar os estudos. De maneira geral, aprendemos a fazer nossas atividades por obrigação ou porque há uma cobrança para que sejam feitas – como é o caso dos trabalhos universitários. Dessa forma, não nos treinamos a cumprir com nossas responsabilidades simplesmente porque elas necessitam serem realizadas.

A insegurança é outro fator que conta na hora de procrastinar, quase sempre acompanhada pelo perfeccionismo. Por exigirem de si mesmos um desempenho impecável, alguns estudantes ficam com medo profundo de falhar ou não conseguir cumprir com suas próprias exigências e acabam se paralisando, deixando de lado os estudos constantemente.

Mas se a falta de confiança é um dos fatores da procrastinação, o excesso dela também pode dar um resultado negativo, já que faz com que deixemos as tarefas para o último minuto.

Como parar de procrastinar em cinco passos:

  1. Motivação

Busque o que te motiva para deixar a procrastinação de lado. Tire um tempo para refletir sobre suas metas de vida e onde você deseja chegar.

É ideal fazer uma lista à mão (ou no bloco de notas do seu celular) com as coisas que você deseja para o futuro e lembre-se sempre desses motivos no momento em que começar a estudar. Se possível, deixe essa lista visível, para que você esteja sempre focado nos objetivos!

  1. Reconheça o problema

É importante identificar e reconhecer as atividades que estão sendo procrastinadas e as que são apenas atrasos, facilitando o processo de visualizar o ato e gerenciá-lo.

Categorizar os tipos de atrasos é uma das formas de como parar de procrastinar. Eles podem ter diversos fins, como é o caso quando o estudante demora para cumprir uma tarefa a fim de buscar mais informações, por exemplo. Se a realização da atividade, mesmo com todos os dados já coletados não tiver sido feita, é porque foi procrastinada.

  1. Sem distrações

Uma dica clichê, mas que faz todo o sentido: para se concentrar, é preciso se livrar de qualquer tipo de distração. Isso não é apenas desligar a televisão ou o celular, se encaixa também em um ambiente de estudo tranquilo, arejado, claro, limpo e organizado.

Porém, não deixe para limpar sua mesa de estudos bem na hora de começar a estudar e se render novamente à procrastinação!

  1. Cronograma de estudo

Já falamos por aqui sobre diversas maneiras para organizar seus estudos, seja através das fichas de estudos, da rotina de estudos ou do cronograma de estudos.

Mas, criar um planejamento é diferente de cumpri-lo, e esse é o grande desafio dos procrastinadores. O ideal é que, além de categorizar o conteúdo de maneira organizada, você estipule prazos para concluir cada tarefa.

  1. Evite se repreender

Por fim, evite que os sentimentos negativos funcionem como grandes desmotivadores, impedindo que você veja com clareza a situação dos seus estudos.

Normalizar os seus erros ajuda a controlar as emoções para que você consiga seguir em frente com suas tarefas, e não ficar preso pelos sentimentos negativos. Sua produtividade depende de você mesmo, porém, você não é a primeira pessoa a procrastinar e definitivamente não será a última. Seja gentil consigo mesmo, mas lembre-se sempre de focar nos seus objetivos a longo prazo.

 

Agora que chegou até aqui, sabe aquela sua atividade que está parada e você precisa entregar? Comece a fazer nesse momento!

Veja também

22 de setembro de 2021

Se prepare para o primeiro dia de vestibular com nossas dicas

Claro que estudar e dominar fórmulas, contextos históricos e regras gramaticais, garantem bons resultados no vestibular. Entretanto, além do estudo, […]

Leia mais
07 de julho de 2021

Aprendendo preposições e crases com músicas

As melhores músicas são aquelas que não desgrudam dos nossos pensamentos, não é mesmo? Você não só consegue cantarolar em […]

Leia mais
03 de fevereiro de 2021

Metas do Vestibular: como tirar do papel os objetivos de 2021?

Passar no vestibular é uma tarefa um tanto desafiadora, em que é preciso ter muito esforço, concentração e dedicação. Dessa […]

Leia mais

Nossos Parceiros

Quem está conosco transformando vidas e oferecendo o sonho do ensino superior.

Assine nossa newslettere fique por dentro das novidades!